Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a dESarrumada

Citações minhas: "eu se não gostasse de meter aqui baboseiras pessoais já há muito que não tinha um blog... é que sinceramente, não tenho mais nada de interessante para escrever."

a dESarrumada

Citações minhas: "eu se não gostasse de meter aqui baboseiras pessoais já há muito que não tinha um blog... é que sinceramente, não tenho mais nada de interessante para escrever."

30
Jul16

Coisitas parvas #1

Chegar a casa das compras, estacionar o carro, sair com o saco das compras e as chaves na mão. Subir dois andares de escadas, chegar à frente da porta do apartamento e tentar abri-la com a chave automática do carro. Fiquei especada no corredor a tentar ouvir o som da porta a abrir enquanto carregava insistentemente no botão da chave.

Digam lá se isto não é de génio??? 

28
Jul16

Férias em 3, 2... uma semana!

Sabes que estás quase de férias quando tens a depilação finalmente em dia. 

Sabes que estás quase de férias de Verão quando a mala grande (aquela que pode levar até 30kg sabem?), já fez a sua saída anual da dispensa.

Sabes que estás quase de férias quando o francês já não te sai da boca como deve ser, no trabalho olhas para as pessoas e já nem as vês, literalmente.

Sabes que estás quase de férias quando te apetece mandar todos pastar porque daqui a uma semana estás em ... PORTUGAL 

27
Jul16

Largar a pílula, as minhas dúvidas

Quero largar a pílula mas estou com medo de ter um ataque fulminante de acne adulto. Sim, não tive muito acne na adolescência, mesmo nada para ser sincera.

pilula.jpgFonte: Google images

 

Comecei a tomar a pílula apenas com 19 anos por causa de uma dor nos ovários insuportável a cada vez que ovulava, quistos nos ovários disseram-me. Ah, metes uma pílula no buxo e não se fala mais nisso, disseram-me. Ah e tal, vi o meu corpo habituar-se a esta porra e de cada vez que quero largar tenho um super ataque de acne e o período mais parece uma hemorragia. Mas estes efeitos secundários ninguém me disse. E ninguém me disse também que posso controlar os sintomas de ovários poliquísticos com um bom regime alimentar que controle os níveis de resistência à insulina. Isto ninguém me disse, talvez se o fizesse desde o 19 anos não precisasse agora de andar a fazer um desmame super complicado de algo que só desregulou as minhas hormonas naturais.

Em Agosto largo de vez, mas a verdade é que o corpo feminino pode demorar até um ano a voltar ao normal, hormonalmente falando, e é isso que me assusta. Andar um ano com sintomas de merda. Vamos ver como corre.


26
Jul16

Decisões de vida! #1

Sempre gostei de chá, mas como não tenho micro-ondas (tentativa de minimalismo bem conseguida até agora), tenho que aquecer a água no fogão cada vez que quero beber um. No entanto, já sabem que aqui a je é uma preguiçosa do pior e só o tempo que a água demora a aquecer é suficiente para me desmotivar da ideia e fazer abandonar o barco. Bad, too bad, dESarrumada!

Decidi comprar uma chaleira eléctrica, e a minha vida nunca mais foi a mesma! É chá quando chego a casa, é chá antes de ir dormir, é chá a toda a hora. Só não há chá de manhã porque adio o despertador 200 mil vezes antes de sair da cama.

 

chá.jpg

Fonte: google images

26
Jul16

Hoje comi tanto, tanto...

... que me sinto como uma vaca a ruminar e com insónias. Contextualizo: fui às pizzas com as meninas. Aquilo é que foi comer. E no final para sobremesa um gelado de chocolate, com pedaços de brownie, cobertura de chantilly e coulis de chocolate.

 

Já dizia a outra:

 

" Eu queria ser magra,

mas magra não posso ser.

Porque a magra faz dieta,

e eu só penso em comer. "

 

24
Jul16

Porque ela largou o homem que ama.

Porque ela sabe que dizer as frases diárias "como estás?", "como foi o teu dia?" não chega.

Porque ela sabe que ter noites de sexo tórridas, apesar de importante numa relação, não chega.

Porque ela sabe que o lado espiritual é tão importante como os outros, e que só estar de acordo em assuntos superficiais da vida não chega.

Porque ela sabe que estar a 1800 quilómetros, sem perspectivas de encurtarem a distância nos próximos anos, não chega.

Porque ela sabe que, após um ano de relação, ainda ter dúvidas sobre se ele é "o tal" não chega.

Porque quando ela sentiu que aquilo que eles tinham não chegava, ela soube que não era amor.

 

E por tudo isto ela partiu, porque quando se ama não há talvez, não há distância, não há falta de encaixe espiritual.

 

Sim, ela sabe que um talvez, definitivamente, não chega. 


21
Jul16

Quando se muda o estilo de alimentação...

Já vos disse no meu anterior blog (quem me segue há mais tempo sabe que tenho outro blog há cerca de ano e meio, que ultimamente deixei em stand-by) ou para quem acabou de chegar aqui: sigo o estilo de vida Paleo. Sim, muita gente pode considerar uma moda recente, mas eu adoro os princípios (pelos vistos não sou a única, a avaliar pelo grupo do Facebook chamado "Paleo descomplicado", por isso, se conhecerem blogs de outros paleos mandem vir nos comentários que eu agradeço!).

De todos os tipos de alimentação que já segui, este é o que mais se adapta a mim, e consequentemente aquele que consigo manter há mais tempo.

Ora bem, desde que comecei a seguir este estilo de vida, sim, porque o Paleo vai muito mais além do que só a mudança de alimentação, dei por mim com 3 pacotes de massa, 2 pacotes de arroz, entre outras coisas tipo tostas, massa para lasanha, etc. a ganhar pó no meu armário desde Março.

Sim, meus caros, não sei o que hei-de fazer a estes produtos! Já passou imenso tempo desde que lhes toquei a última vez (já não consigo sequer pensar em meter isto na boca!), mas ao mesmo tempo não queria deitar esta quantidade de comida fora.

Queria ver se as minhas queridas amigas aceitam isto, mas desde que comecei já converti a maior parte! Opah, quem me mandou ser tão convincente nos meus argumentos??

Pág. 1/3